14/03/2017

Resenha: Livro A Herdeira ❤


Olá pessoal!!

Hoje eu vim fazer uma resenha do quarto livro da série A Seleção: A Herdeira da Kiera Cass. É só clicar em mais informações.


Nome: A Herdeira 
Autora:Kiera Cass
Editora: Seguinte 
Páginas:361

Trinta e cinco pretendentes e uma princesa. Uma nova seleção começou.
A herderia se passa 20 anos depois da história de Maxon e America. Eles se casaram, tiveram 4 filhos: Eadlyn, Ahren, Kaden e Osten.  Eadlyn tem 18 anos e é a primogênita (nasceu minutos antes de Ahren) e por conta disso ela é a herdeira do trono de Illea. Seus pais fizeram muitas mudanças no País e uma delas foi cortar as castas, mas a discriminação continua e com a insatisfação do povo, ocorre a rebelião. Para acalmar o povo America e Maxon acham melhor voltar com A Seleção que foi a primeira com 35 garotos disputando por uma princesa. Acontece que Eadlyn foi criada para ser uma rainha e por isso não aceita que mandem nela. Decidida a não deixar que a seleção mude seu destino ela já sabe como fazer para que todos os pretendentes saiam correndo do palácio - já que dessa vez eles poderão optar por sair se desejarem. No entanto, com o avanço dos dias e a proximidades com aqueles garotos tão diferentes, a princesa acaba se envolvendo com a história de vida de vários deles. 

Em paralelo com a Seleção, temos uma America madura e amada pelos seus súditos e Maxon cansado do peso da coroa. Além disso há províncias se revoltando contra a monarquia e não há um plano B, ou a seleção dá certo ou não terá como evitar a revolta dos súditos.

Algo interessante se passa na história: nós não sabemos com quem que ela vai ficar ou se até mesmo se ela vai ficar com alguém. Cada leitor pode criar sua própria torcida mas tem 4 participantes que tem uma chance maior de ganhar o coração de Eadlyn. Mesmo sendo durona nó percebemos que ela aos poucos vai se entregando, se encantando e passando a considerar a possibilidade de abrir o seu coração. 

Os concorrentes desse livro são mais carismáticos do que as garotas do livro "A Seleção". Kile, filho de Marlee, tem um ar de bom moço mas tem traços de um rebelde; Henri tem cenas fofas por conta da barreira linguística entre ele e Eadlyn; Baden, um músico bonitinho e alguns outros personagens marcantes. 

Algumas frases e citações: 

"Nunca consegui prender a respiração por sete minutos. Nem sequer por um. Uma vez tentei correr um quilômetro e meio em sete minutos depois de descobrir que alguns atletas faziam isso em quatro, mas fracassei espetacularmente quando pontadas na lateral do abdome me deixaram exausta no meio do percurso. Contudo, há uma coisa que consegui fazer em sete minutos que a maioria das pessoas consideraria bem impressionante: me tornar rainha."

"Eu tentava não reclamar. Afinal, tinha consciência de que era muito sortuda. Mas havia dias, às vezes meses, em que eu sentia um enorme peso nas costas. Peso demais para qualquer pessoa suportar sozinha, na verdade."

"— Não acho que seja possível resolver essa situação. Não há meio de provar que foram as velhas castas que impediram a promoção do garçom. A única coisa que podemos fazer é abrir uma investigação para descobrir quem iniciou o incêndio. Uma família perdeu seu sustento hoje, e alguém deve ser responsabilizado. Não é com incêndios que se faz justiça."

"— Não ligo para uma boa briga desde que no final você ainda tenha consciência do quanto eu amo você."

"Será que minha mãe tinha razão? Será que eu não era tão observadora e cuidadosa quanto pensava?Madame Lucy era uma das minhas pessoas favoritas no mundo. Será que eu não deveria ter sido capaz de enxergar como estava triste?"

"— Você é como a sua mãe e a minha. É determinada. E talvez o mais importante: não gosta de fracassar. Sei que tudo isso vai funcionar. No mínimo, porque você vai se recusar a deixar o contrário acontecer."

"Kile baixou o rosto, se aproximou e me beijou por um momento. Então, seus lábios se abriram, se fecharam e se abriram de novo. Respirei fundo entre um beijo e outro porque tinha a sensação de que haveria mais. Eu estava certa, e que bom, porque nunca tinha sido beijada daquele jeito e queria mais. As poucas vezes em que tinha beijado garotos foram apressadas e atrapalhadas, momentos escondidos em guarda-volumes ou atrás de alguma estátua. Mas, daquele jeito, com tanto ar em volta e sem ninguém à minha procura… Que diferença."

"Não venha com essa. Não faça parecer menos do que é. Eu jamais seria capaz de fazer algo parecido."
"Não sei se alguém sabe o que procura até encontrar." 

-Preço: R$ 31,90 (capa dura); R$ 23,90 (brochura) 

Me acompanhem: InstagramFanpageTwitter/ Snapchat: @Biiaah_cunha <3

Espero que vocês tenham gostado! Deixem nos comentários o que acharam e me deixem sugestões de resenhas que vocês querem ver aqui no blog. 
Um super beijo. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário